Selecione seu Estado São Paulo
Sexta-Feira, 22 de Outubro de 2021


E-mail:
Senha:
Cadastre-se Login
Acessando.... Erro ao acessar. Esqueceu sua senha?

Clientes deixam de renovar o seguro auto com base em circular da Susep e Corretores precisam ficar atentos

Fonte: CQCS Data: 30 agosto 2021 Nenhum comentário

A partir do dia 01 de setembro passarão a valer as novas regras estabelecidas pela Circular 639/21, que dispõe sobre a operação de seguros de automóvel. Por essa razão, alguns veículos de comunicação estão divulgando que o preço dos produtos podem ficar mais baratos. No entanto, a informação levou clientes de um Corretor a afirmar que esperaria a baixa no valor para fazer a renovação de sua apólice.

Maximiliano  Alexandre explicou que uma  reportagem dá a entender que o seguro vai baixar e ele já foi contactado por clientes para falar sobre o assunto. “Tem cliente falando que não vai renovar e vai esperar até o dia 02, porque viu no jornal que o preço poderia baixar. Ninguém  lê a circular para saber direito o que tá acontecendo”. 

Ele ainda relatou que vai tentar entrar em contato com a colunista responsável pela matéria para explicar qual é a realidade da situação. “O que a Susep pretende é colocar produtos mais acessíveis para pessoas que estão de fora do mercado. Isso não vai, necessariamente, baixar o preço do seguro, mas a mídia está veiculando dessa forma. Parei para pesquisar e diversos veículos estão tratando da mesma forma, por isso é preciso ter cuidado”, disse. 

De acordo com o presidente do Sincor PE, Carlos Valle, o Corretor precisa argumentar com base em fatos reais e mostar que conhece a portaria. “Os Corretores precisam mostrar que a portaria traz uma permissão para as seguradoras, mas o preço mais baixo é uma expectativa, não uma garantia. A Susep está permitindo que as seguradoras façam, não obrigando. Leva um tempo até a companhia experimentar, testar, colocar em prática. Não existe uma tabela fixa que irá sair a partir de setembro”, destacou.

Valle ainda explicou que a  circular permite essa modalidade para as seguradoras que quiserem fazer e as companhias vão ver se vai funcionar para elas. “As seguradoras terão mais opções de mercado, mas, primeiro, verão se vale a pena. Eu jamais deixaria o meu carro sem seguro por conta da expectativa de baixar preço. É um risco muito grande, não é o mais prudente a se fazer. Um seguro com R$ 2400 reais de prêmio tem um custo médio mensal de 200 reais, vai baixar para quanto? 180? Você vai arriscar ficar um tempo sem seguro por causa do valor que dá pra pagar apenas alguns litros de gasolina?”, questionou. 

 

Para participar e deixar sua opinião, clique aqui e faça login.

 

Últimas

 

agencialink.com é o nome fantasia da Raz&aatilde;o Social:
ART Tecnologia de Sistemas S/S Ltda.
CNPJ: 10.199.185/0001-69
Av. Jabaquara, 2860 - Sobre Loja - S&aatilde;o Paulo, SP - 04046-500 - Brasil