Selecione seu Estado São Paulo
Quarta-Feira, 23 de Janeiro de 2019


E-mail:
Senha:
Cadastre-se Login
Acessando.... Erro ao acessar. Esqueceu sua senha?

4 dicas para praticar esportes sem prejudicar a saúde

Fonte: Portal Nacional Seguros Data: 30 agosto 2016 Nenhum comentário

Não há dúvida que a prática de esportes e atividades físicas fazem bem para o corpo e a mente. A grande pergunta é: “Por onde devo começar?”. Para não errar nos treinos, a médica do esporte e cardiologista infantil do Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos, Silvana Vertematti, dá dicas para se exercitar com segurança e saúde.

1 – Procure um médico

A primeira orientação é procurar um médico para avaliar as condições clínicas. O profissional fará uma investigação sobre históricos de doenças pessoais e familiares, avaliação clínica geral e solicitar exames pertinentes para completar seu raciocínio clínico como ecocardiograma, teste ergométrico, eletrocardiograma, exames laboratoriais e outros que se fizerem necessários. “Até os 35 anos, existe um risco de morte súbita mais relacionada a arritmias e doenças congênitas. Acima desta idade o risco se relaciona mais a insuficiência coronariana que pode levar a um infarto. Por esse motivo é que destacamos a importância de um laudo médico antes de qualquer atividade física”, frisa.

2 – Trace metas

Outro passo importante é estabelecer uma meta saudável para a prática de exercícios ou modalidade de esporte. Isso porque a idade, os hábitos diários e o condicionamento físico podem interferir no desempenho. “Se o foco é o alto rendimento o mais indicado é que os treinos sejam iniciados na infância e adolescência com uma progressão adequada ao crescimento e desenvolvimento. No entanto, uma pessoa que começou a treinar mais tarde também pode alcançar, ao longo do tempo, um bom desempenho se tomar os devidos cuidados”, pondera.

3 – Respeite seus limites

Silvana Vertematti ressalta que não existe idade certa para começar a exercitar. “É totalmente possível fazer exercícios em qualquer fase da vida, desde que haja uma supervisão de profissionais da área médica e da educação física para indicar qual o melhor tipo de atividade. Além disso, é fundamental respeitar os limites do corpo”.

4 – Não queime etapas

O consumo de esteroides anabolizantes, usados com a ideia de potencializar o desempenho da atividade física, levam complicações a saúde e não devem ser usados indiscriminadamente. Por isso, “em nenhuma hipótese” é aceitável sua utilização, destaca a médica.

COMPLEXO HOSPITALAR EDMUNDO VASCONCELOS

Localizado ao lado do Parque do Ibirapuera, em São Paulo, o Complexo Hospitalar Edmundo Vasconcelos atua em mais de 50 especialidades e conta com cerca de 1.400 médicos. Realiza aproximadamente 12 mil procedimentos cirúrgicos, 13 mil internações, 230 mil consultas ambulatoriais, 145 mil atendimentos de Pronto-Socorro e 1,45 milhão de exames por ano. Dentre os selos e certificações obtidos pela instituição, destaca-se a Acreditação Hospitalar Nível 3 - Excelência em Gestão, concedida pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) e o Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar no Brasil, conquistado pelo quinto ano consecutivo em 2015.

 

Para participar e deixar sua opinião, clique aqui e faça login.

 

Últimas